Obaaaa, primeiro post do blog e já quero começar com um assunto que super tenho ouvido nos últimos dias, “Como fazer para não se apegar fácil” com o (a) gato (a). Bom, por ser um assunto bastante delicado e comum, vou falar um pouco sobre minhas experiências e ser o mais breve possível, prometo!

1. Ame a você mesma (o) acima de tudo!

Para amar alguém o essencial é que você se ame em primeiro lugar, auto-estima é tudo e acredite, você se sentirá ate mais confiante pra compartilhar esse amor.

2. Não seja insistente, deixa ele (a)  puxar assunto também!

Se tem uma coisa que eu aprendi é deixar as pessoas falarem comigo, além de evitar aquele vácuo você ainda percebe se a pessoa tem realmente interesse em você ou não e caso ele (a) te procurar, sorria… Está querendo algo a mais com você.

3. Não permita que homem seja o principal motivo da sua felicidade! (pras meninas)

Sabia que quando priorizamos outras coisas na nossa vida a tendência para se apaixonar é menor? Não que eu esteja falando pra não se apaixonar ou algo do tipo gente… Mais é que na maioria das vezes muitas meninas abrem mão de muitas atividades para se entregar para um cara bobo ou as vezes infantil que não sabem valorizar um sentimento de afeto. Não sou machista e nem a favor de muitas coisas que nós homens fazemos ou por nossas ações desnecessárias, mais já passei por isso e sei o quanto não valeu a pena permitir que um cara idiota fosse roubar minhas noites de sono, não vale a pena perder tempo com quem não nos valoriza.

4. No primeiro encontro, mostre suas qualidades e seja você mesma (o)! 

Ninguém merece pessoas que já chegam contando sua vida pessoal de cara, relacionamentos passados e muito menos quantas curtidas você recebeu na última foto do Instagram, seja uma pessoa culta, mostre suas qualidades através de um papo inteligente, deixe a pessoa ir descobrindo você aos poucos e não contar tudo achando que aquele momento é único, ta aí outra coisa que aprendi (risos). Guilherme, um antigo caso meu sempre dizia que eu era afobado mais sempre me entendeu, mais hoje percebo que preciso controlar minha ansiedade e agir mais calmamente e falar pausadamente. Seja louca, seja estranha mais seja você mesma, não queira interpretar um personagem que não seja do seu mundo para agradá-lo (a), sabe por que? Porque ele (a) vai gostar de você como és.

5. Não seja fria (o), mais não seja fácil demais! 

O homem sempre gostou de ser o que toma iniciativa em tudo não sendo machista, mais é a realidade, no entanto ele sempre vai querer conquistar você menina. Já a mulher com o jeito delicado de ser e as vezes carente demais é totalmente ao contrário, gosta de atenção e exclusividade. Um dos principais aspectos para não se apegar fácil é você mostrar pro affair que ele é apenas uma peça de quebra-cabeças a ser montada e que existem outras prioridades além dele (a). Aos poucos você perceberá que as peças estão se encaixando conforme o jogo e logo estarão na mesma partida juntos, quem sabe corpo a corpo. Não deixe de respondê-lo (a) no whatsapp na madrugada, mais ninguém merece pessoas insistentes né? Então uma dica: Fale apenas o necessário.

6. Nada de deprê, ouça sua PlayList favorita no volume máximo!

Sabe como fiz pra desapegar de um garoto no qual tive minha primeira relação, me apaixonei e tudo mais? Ouvindo minhas músicas favoritas no volume máximo, simmmm… Taylor, Lady Gaga, Ciara, Beyonce, Avril e muitas outras quem o diga se fossem minhas amigas (risos). Nunca deixei homem se tornar prioridade pra mim, sério, pare de provocar sofrimento ouvindo músicas depressivas ou que conte a história de vocês, se joga… Liberte a “mona” que tem dentro de você e sorria, vibre e cante conforme a canção e deixe seu coração te guiar.

7. Você tem uma melhor amiga de verdade? Ela pode te ajudar e muito! 

Se você tem sua própria mãe como melhor amiga parabéns, você nunca estará sozinha nessa amiga, as mães são sinceras, realistas e vai falar na sua cara se o cara presta ou não. Mais se você não pode contar tudo pra sua mãe e tem aquela amiga de infância que hoje é sua confidente, menos mau… Ter alguém pra desabafar é sempre bom, principalmente quando estamos gostando de alguém e sempre queremos falar pra todo mundo né verdade? Evite espalhar sua felicidade, conte apenas pra quem vai te ouvir e te ajudar.

8. Caso estejam ficando, continue com sua rotina de sempre! 

Uma das coisas que sempre me intrigou num caso entre “ficantes” é que o casal as vezes nem estão namorando, nem tiveram a primeira relação sexual e o cara (como de costume) ou até ela mesma, quer mudar os costumes e gostos do (a) parceiro (a). Lembre-se de que exite uma vida antes de você ter entrado na vida dela (e), isso é bastante comum quando os casais se conhecem na balada… Pensei comigo, vocês se conheceram onde? Balada, como ela estava vestida? (resposta), como ele se portava em público? Esses assuntos são bem críticos, não é você quem vai mudar a pessoa, então viva como gosta de viver e permita que o (a) parceiro (a) faça parte do seu mundo, sempre respeitando o seu espaço e você o dele (a).

9. Começou com “mimimi”? Parte pra outra!

Eu particularmente odeio cara chiclete e vocês? Ninguém gosta! Pior ainda é quando começa puxando uns assuntos idiotas ou querendo mandar em mim, tesouro logo. Por incrível que pareça eu sou bem insistente também mais se tem uma cousa que eu sou é ser direto, as vezes frio (minha best Karine Alves quem o diga), sou muito fácil pra me apegar mais pra desapegar sou melhor ainda! Se o cara começar enrolar, te deixar de lado, tiver sempre um compromisso quando quiser vê-lo… Xiiii, esse não quer nada com nada, PRÓXIMO.

10. Saideira, não escreva um VIVERAM FELIZES PARA SEMPRE antes do ERA UMA VEZ! 

Já sofri muito querendo escrever um final feliz antes de começar uma história né Guilherme? É que ano passado fiquei com um garoto no qual tive minha primeira relação, ficamos uma semana e já que apeguei, não me arrependo e faria tudo novamente masssss é uma pessoa que hoje não teria uma segunda chance, pois não valorizou quando me tinha. Deixa as coisas fluírem, deixe a caneta do coração escrever a sua história e o resto você cuidará bem. Não seja escrava de um amor virtual ou um amor sem futuro, seja dona do seu amor próprio e escritora de uma história com um final feliz, ahhh quer saber? Não se apega não, seja mais você e o que tiver que ser… Será.

Olá, sou o Rodrigo Dias! Me acompanhe no Insta/Snap @papodorooh Bjs